13 dezembro, 2008

IMPOTÊNCIA MASCULINA TEM CURA?

disfuncao_eretil Com este tema, pretendo começar a abordar, neste blog, assuntos sobre os quais freqüentemente sou questionado e que, por se constituírem a realidade de muitas pessoas (inclusive evangélicas), não são anti-cristãos nem tampouco tabus.

A impotência masculina pode ocorrer em qualquer indivíduo, em qualquer época da vida. Dificilmente se encontrará um homem que não a tenha vivenciado, pelo menos em uma ocasião.

Pesquisas recentes, no entanto, demonstraram que cerca de um em cada cinco homens acima de 40 anos apresenta algum grau de impotência (disfunção erétil). É preciso, antes de mais nada, abandonar a idéia de que esse fato constitui uma doença, embora, em alguns raros casos, isso possa acontecer.

O CÍRCULO VICIOSO

Geralmente, o mais comum é ocorrer o seguinte:

Um homem saudável, com um relacionamento normal, em função de problemas e estresse vividos num dia de trabalho assoberbado, por exemplo; inexplicavelmente (segundo ele pensa) "falha", ao tentar, à noite, ter uma relação sexual com a esposa.

Se ele não for maduro o suficiente para compreender que as preocupações e o estresse foram a causa desse incidente, assumirá uma conduta de temor compulsivo de "falhar outras vezes".

Essa "fobia" diante da perspectiva de um mau desempenho instala nele um grande grau de ansiedade. A ansiedade, por sua vez, prejudica o mecanismo da ereção, o que gera mais ansiedade.

A situação pode chegar a tal ponto que assume um caráter crônico-compulsivo e, neste caso, a ereção fica realmente bloqueada, causando no indivíduo afetado, um profundo desconforto e uma dolorosa angústia.

O QUE A ESPOSA PODE FAZER?

Muito! Primeiramente, evitar toda e qualquer situação de cobrança. Em seguida, agir sabiamente, demonstrando compreensão, não super-valorizando o incidente e, carinhosamente demonstrar uma atitude de aconchego e de cumplicidade.

Não é preciso agir como uma "consoladora". Basta demonstrar compreensão e curtir toques e carícias, descobrindo zonas erógenas no corpo do parceiro (e vice-versa). Isso leva o casal a entender que o sexo, afinal, não se resume apenas na genitalidade.

Esse modo de agir do casal costuma realmente resolver o problema e tudo volta à normalidade.

Se, contudo, a dificuldade persistir, um urologista deve ser consultado, a fim de descartar uma pouco provável, porém não impossível, razão orgânica para a disfunção.

Um psicoterapia breve poderá ser recomendada e, como todos sabem, até mesmo a prescrição de modernos medicamentos que estão disponíveis em todas as farmácias.

Ninguém, nos dias de hoje, precisa sofrer com o problema de impotência masculina.

Toni Ayres

*Observação: tratamos, neste post, o assunto como IMPOTÊNCIA MASCULINA simplesmente porque impotência feminina também existe. No entanto, nas mulheres a impotência é orgástica (dificuldade ou impossibilidade de atingir o orgasmo).

2 comentários:

  1. A bíblia cita algum caso de impotência sexual masculina?

    Andei pensando sobre o assunto, dei uma olhada no Dr Google, mas não encontrei nada. O senhor saberia dizer?

    ResponderExcluir
  2. A disfunção eréctil pode ser tratada com o Viagra.
    Às vezes Viagra necessidade de auto-confiança, porque todos os problemas da cabeça.
    Gostaria de recomendar duas lojas para escolher.
    Primeiro - a seleção Muito grande http://allneededpills.biz/ e preços razoáveis.
    Segundo - http://pt.m-pills.com/ - tem marca Viagra e genérico do Viagra, para escolher! E há produtos originais (DE Pacotes Experimentais). Mas os preços são um pouco mais caros.
    Eu fiz o pedido e ficou satisfeito!

    ResponderExcluir

Seu comentário será exibido após examinado pela moderação.